Stay ahead.

Questions & Order Inquires: news@brazilpost.org

24/7 live support: +1(310)270-7492

832 Hilgard Avenue, Los Angeles, CA

Copyright © 2020 Brazil Post

LIBANESES PREJUDICADOS PELA GUERRA CIVIL DE SUA VIZINHA SÍRIA

 

LÍBANO
PIB: US$ 51 bi (82º)
PIB per capita: US$ 11.4k (61º)
População: 6 milhões (111º)
IDH: 0.76 (80º)

SÍRIA
PIB: US$ 77 bi (69º)
PIB per capita: US$ 1.2k (158º)
População: 18 milhões (63º)
IDH: 0.54 (155º)

Construtoras libanesas aguardavam o término da guerra civil síria para lucrarem com a reconstrução do país, o mesmo que o ocorreu com a reconstrução do Líbano após a sua guerra civil (1975-1990).

A longa duração de 7 anos da guerra na Síria, no entanto, começa a frustrar os empresários libaneses e a comprometer o desempenho econômico do país. 

Até então importante parceiro comercial dos libaneses, a guerra civil síria, com previsão para ser concluída no ano que vem, com provável retomada do controle por Assad, arruinou o poder econômico do país. Não obstante, dos 20 milhões de refugiados, cerca de 1 milhão se instalou na fronteira libanesa, gerando custos ao governo local na ordem de US$ 1 bilhão nos últimos anos. Por fim, o turismo minguou, eliminando importante fonte de renda aos cofres de Beirute.

Essa situação cortou cerca de 3% do PIB nos últimos anos. A falta de reação econômica do país levou às agências de risco (Fitch, Moody's) reduzirem pela metade, para 1%, a expectativa de crescimento para esse ano. 

O país precisa passar por sérias reformas. Hoje, possui a 3º relação mais alta do mundo de dívida x PIB, cerca de 150%. Com isso, o poder de reação do governo é sufocado, impossibilitando investimentos que gerariam empregos e fariam a economia movimentar. O tamanho inchado do estado configura mais um problema. Cerca de 40% da arrecadação são direcionados ao pagamento da folha dos servidores públicos, similar à proporção brasileira.